sábado, 26 de novembro de 2011

Um simples desabafo

Desculpem eu trazer para o meu blog algo que nao tem nada a ver com  comida, mas para mim que AMO os amiguinhos peludinhos (nao tivesse eu 1 cadela e 3 miaus) esta noticia mexeu muito comigo ate porque era uma peludinho que pertencia á familia e que era o melhor amigo da minha prima.


Eu tive o previlegio de ver o mondego crescer, tive o previleigio de brincar com ele, de levar uma montanha de lambidelas, vi-o brincar com a minha Belita quando eram pequeninos, vi-o obedecer aos donos e saber pedinchar a sua gludice preferida um bocadinho de pao... Ai tao contente que o "Dego" ficava... demos passeios (eu e a minha prima) por varios sitios aqui na zona (antes de eu ser mae) com ele.


Lembro-me particularmente de uma historia numa aldeia aqui proxima em Avô, que tem uma praia fluvial lindissima, foi na altura do Natal, estava uma daquelas manha em que tinha caido uma bela camada de geada e nós as duas todas encasacadas de luvas, gorros e cachecois, lá vamos ate junto do rio, a minha prima soltou-o... todo contente o Mondego correu, correu, correu... e a um dado momento o Senhor Mondego enfiou-se dentro de agua, por mais que eu e a minha prima o chamassemos o  mondego cada vez se afastava mais da margem, ja nao sabiamos o que fazer... frio de rachar e nós as duas ja a tirar os tennis e as meias, a roupa que se lixasse, para nos enfiarmos dentro do rio... ja estavamos descalças e lá vem o senhor mondego para a margem todo contente depois da sua piscina logo de manha com geada. Lindo Mondego.


Ontem às 17:20, tive a triste noticia que este meu amiguinho tinha morrido... eu  nao quis acreditar, apesar da minha prima estar a chorar, apesar de estar de rastos eu nao queria acreditar... o Mondego ainda era novo tinha 6 anos, nao podia... os meus filhos sempre que ele ca vinha no verao iam para o rio e era brincadeira total:


"Ao lindo Mondego que eu tive o previlegio de ver crescer e de brincar muitas vezes com ele:
"De tudo ficaram 3 coisas:
A certeza que a cada dia estavamos sempre começando mais um nivel da nossa amizade!
A certeza que a qualquer momento podemos ser interrompidos
Aos meus donos Rui Figueira e Cristina Figueira façamos desta interrupçao um novo caminho, da queda um passo de dança, do sonho uma ponte e da procura... um encontro...
E por ultimo a certeza que é preciso continuar"

Ganhamos mais uma estrelinha que deixa mtas saudades!!!! 25-11-2011

10 comentários:

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

amiga que lindo era seu amigo realmente muito jovem para morrer,agora é lembrar as brincadeiras que como vc disse foram muitas e saber que ele está bem!!
beijo

Miriam disse...

Olá Margarida,

É lamentável a perda, infelizmente sabemos que ela faz parte, porém dói e corrói...

Que as coisas boas fiquem sempre na memória e que o Mondego fique bem...

Que o Nosso Fim de semana seja de Reflexão sobre as pequenas coisas boas da vida!!!
1000 Beijokinhas

Andreia disse...

Oh Margarida... Percebo perfeitamente... Para mim são familia, não são animais. Tenho 2 gatos e uma cadela e sei perfeitamente o que isso é. Mesmo o gato do meu namorado que vejo muito pouco, se lhe acontecesse alguma coisa ia ficar de rastos. Em 2006 morreu o meu Chico, estava comigo desde os meus 9 anos e era tudo para mim. Cai completamente em depressão e não conseguia entrar na cozinha e ver o espaço dele no terraço, lá fora, vazio. A minha Minnie sarou as feridas mas mesmo assim, cada um deles é único. Força, sim? beiijinhos

Xana disse...

:(... Deve ser uma dor... nem quero pensar...
um abracinho à cristina e ao Rui...
beijocas minha querida

Tixa disse...

Historia bem bonita, tenho imenso pena pelo teu amiguinho.
Beijinhos

Josy disse...

Margarida querida que triste noticia, fico muito triste quando um peludinho desse nos abandona, ainda mais assim novo, que pena, imagino a dor que sua prima está sentindo, pois esses animaizinhos são parte da nossa familia. Sinto muito por ela e por vc, mas agora ele está com certeza com outros cãezinhos, em lindos campos a correr e brincar. Bjos querida, ótimo domingo

Vânia Jesus disse...

A eles que são verdadeiros e fiéis amigos em todas as alturas da nossa vida, que nos seguem sem hesitar qualquer que seja o caminho que façamos, todas as homengens são justas e merecidas. Acredito que onde quer que esteja o Mondego sempre olhará por vocês...porque os animais simplesmente são amor... e o verdadeiro amor é eterno...Corre agora feliz Mondego para lá do arco - iris com tantos outros amigos de 4 patas...:(

Sofia Apóstolo disse...

É sempre uma enorme tristeza e vazio que fica quando um amigo nosso morre, independentemente do seu tamanho, cão, gato, pássaro, ...

Os meus sinceros sentimentos. Bem sei aquilo que estão a sentir.


Bjinhos grandes e força, eu sei que nunca se hão-de esquecer dele e vão sorrir mais vezes ao lembrarem-se das suas peripécias.


Bjinhos,
Sofia Apóstolo

Salsa Verde disse...

Olá Margarida,
É triste mas ficamos sempre com as lembranças e..., as saudades também...
Um beijinho grande e muita força,
Lia.

receitas para a felicidade disse...

Fiquei triste com esta noticia querida Margarida, lamento a perda e espero que todos consigam superá-la...Ficam os bons momentos e o facto de terem cuidado dele com carinho

beijinhos!